news image news image

Leptospirose, cuidado!

A leptospirose é uma doença bacteriana, sendo a Leptospira o agente infeccioso. Ela se desenvolve no organismo dos ratos de bueiro, que constantemente estão em contato com sujeira, fossas e esgotos. A leptospirose atinge principalmente o fígado e os rins, trazendo aspectos típicos da doença, como a cor amarelada das mucosas.
A transmissão normalmente acontece por meio da urina do rato, que pode ser propagada pela água de rios, córregos e relacionados. Quem mora em casas deve ter atenção redobrada: os ratos podem entrar nos quintais de casa e, assim como os próprios cães, podem urinar para marcar território. Um dos grandes problemas nesse sentido é que a ração do seu cachorro pode ser o destino de um rato esfomeado, que marcará seu território diretamente na comida do pet. Nesses casos, o risco de infecção é alto, pois a doença é contraída através da penetração da bactéria nas mucosas – boca, língua, olhos e ferimentos abertos.

Os principais sintomas da doença, são:

- Vômitos e diarreia;
- Perda de apetite;
- Febre;
- Urina escura (cor de coca-cola), ou alaranjada
- Ulceras bucais;
- Cor amarelada nas mucosas dos olhos e da boca;
- Debilitação geral do animal

Como prevenir?

- Vacinação
- Recolher potes de comida dos pets assim que terminarem a refeição.
- Épocas de chuva intensa e alagamentos, cuidado redobrado com o aparecimento de ratos próximo a residência.
- Tampar locais onde contenha alimentos dos animais.